Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Fevereiro, 2013

TragiComédia

Impossível. A palavra ecoa no ar, com o tom de surpresa que teima em não abandonar o espaço numa altura em que todos acreditavam num outro desfecho. Impossível, o grito de espanto, de revolta em algumas ocasiões. De repente, a pizza pode passar a ser um problema e as massas a voltar a fazer manchetes. Bunga-bunga é outra expressão que ensombra o ar, qual trovão longínquo em dia de tempestade que se adivinha.

Do lado de fora, multiplicam-se as exclamações. As esperanças desmoronam-se e os fantasmas do passado voltam a tomar forma, como se de formas compactas se tratassem. Mais incerteza, mais insegurança, mais um momento ‘ingovernável’. A calma que parecia, de alguma forma, estar a ser mantida, é ameaçada por mais festas, mais disparates, mais loucuras daquelas de que são feitos os sonhos de quem não sente o peso da responsabilidade. A comédia. O disparate. O bizarro. Impossível. A palavra é repetida até à exaustão como se pudesse desaparecer ao ser repetida muitas vezes. E agora? E agora?

Agora o tempo dirá para que lado penderá Itália. Uma Itália desfeita, sem rumo. Uma Itália entregue à comédia. Uma Itália que se espera que não se tenha entregado a tragédia.

Entrada na Nossa Agenda a propósito da notícia:

http://expresso.sapo.pt/grillo-venceu-mas-nao-quer-ser-parte-da-solucao-italiana=f789710

Anúncios

Read Full Post »

Regresso

Objetividade. Entre duas garfadas de espuma do mar e um golo de tinto reserva, desceu sobre nós alguma serenidade e compromisso. Vamos regressar. Porque o projeto nos merece, porque nós merecemos, porque as nossas agendas conseguem acomodar a ‘Nossa Agenda’, desde que o saibamos como fazer. As nossas agendas são cheias. Atafulhadas, na verdade. Mas há sempre espaço para linhas, para estórias que valem a pena. Porque acima de tudo, gostamos de escrever. De mostrar, pelos nossos olhos, a forma como o mundo gira.

Por isso, fizemos um compromisso. O do regresso. Porque 2013 é um ano que nos merece boas estórias, sorrisos na cara e brilho no olhar. Merece uma Agenda cheia de otimismo e de sonhos. Merece estórias a duas e a quatro mãos. E outros olhares.Merece que voltemos a apostar neste projeto que nasceu simplesmente pela existência de um ponto em comum: o prazer de escrever.

Read Full Post »